O serviço de backup em nuvem da Binario Cloud é suportado pelas tecnologias Veeam Backup & Replication e Bacula Enterprise, ferramentas que possibilitam a criação de cópias de segurança de máquinas físicas e virtuais na nuvem para garantir que seus dados sejam persistentes.

Uma das principais vantagens das ferramentas escolhidas pelo nosso time é a disponibilidade de diferentes tipos de backup que podem ser configurados de acordo com as necessidades da empresa para manter o RTO e o RPO em dia. Confira quais são os tipos de backup disponíveis nas nossas ferramentas!

1. Backup full

Cópia completa de todos os arquivos, pastas, volumes ou máquinas escolhidos para a Binario Cloud. Geralmente, corresponde ao primeiro backup após contratada a solução.

Prós:

  • Configuração simplificada

  • Alto nível de confiabilidade

Contras:

  • Consome muito espaço de armazenamento

  • Demora mais para ser realizado com sucesso

2. Backup full sintético

Bem parecido com o backup full, o full sintético analisa todos os arquivos, pastas, volumes ou máquinas escolhidos para o backup, copiando apenas os novos ou aqueles que foram alterados para o armazenamento.

Mas diferente do backup incremental, a nova cópia de segurança se mescla para obter um backup, e não um novo arquivo com modificações. Na prática, as alterações em arquivos, VMs ou volumes são injetadas nos blocos de destino do backup.

Prós:

  • Backups mais rápidos, especialmente em redes com baixa largura de banda

  • Deduplicação de dados

Contras:

  • Não detectamos até o momento

3. Backup incremental

Tipo de backup que armazena todos os arquivos, máquinas e volumes alterados desde o último backup de qualquer tipo, sendo que apenas os arquivos alterados são incluídos no processo — como um incremento do backup anterior.

Prós:

  • Otimização do espaço de armazenamento em comparação com os backups full e diferencial

  • Método de backup mais rápido em comparação com o full

  • Evita a duplicação de dados

Contras:

  • Restauração mais lenta

  • Para restaurar a última versão de um arquivo individual, seu último incremento deve ser identificado

4. Backup incremental reverso

O backup incremental reverso é um backup incremental das alterações feitas entre duas instâncias de um espelho de backup, criando um novo backup full sintético após cada execução.

Após o backup full inicial, cada backup incremental reverso sucessivo aplica as alterações ao backup full anterior, criando um novo backup full sintético, mantendo a capacidade de reverter para versões anteriores. A principal vantagem deste tipo de backup é um processo de recuperação mais eficiente, uma vez que a versão mais recente dos dados (que é a versão restaurada com mais frequência) é um backup completo (sintético), e nenhum incremental precisa ser aplicado a ele durante sua restauração.

Prós:

  • Processo de recuperação mais eficiente, uma vez que a versão mais recente dos dados é um backup full sintético, sem que haja necessidade de restaurar os backups incrementais

Contras:

  • Não detectamos até o momento

5. Forever incremental

Se a sua empresa precisa trabalhar com janelas menores de backup, essa é a estratégia mais adequada. O backup forever incremental consiste na realização de um backup full inicial, seguido da configuração de backups incrementais, de forma contínua, para sempre (ou até que essa configuração seja desligada).

Com o backup forever incremental, não é necessário agendar backups completos periodicamente. Além disso, o processo de restauração de dados é otimizado, pois apenas as versões mais recentes dos blocos que pertencem a um backup restaurado são restauradas.

Confira as vantagens e desvantagens dessa estratégia.

Prós:

  • Reduz a quantidade de dados que passam pela rede

  • Otimização do espaço de armazenamento porque todos os backups incrementais contêm apenas os blocos que mudaram desde o backup anterior

  • Minimiza o impacto no sistema

  • Reduz as janelas de backup

Desvantagens:

  • Requer armazenamento de longo prazo

6. Backup diferencial

Tipo de backup realizado após um backup completo ou outro diferencial. Na prática, o backup diferencial gera uma cópia dos arquivos novos e/ou modificados desde o último backup completo. Cada execução desse tipo de backup gera um novo ponto de restauração.

Prós:

  • Restauração mais ágil

  • Menos consumo de espaço de armazenamento comparado com o backup full

  • Alta confiabilidade

Contras:

  • Pode causar dados duplicados

  • Abordagem mais lenta do que o backup incremental

  • Possibilidade de falha na restauração se um ou mais backups diferenciais estiverem incompletos

Chegamos ao fim do nosso artigo e se você quer saber como criar uma cotação do serviço Binario Cloud Backup para a sua empresa, sugiro a leitura deste artigo.

Encontrou sua resposta?